Foi dada a largada para XXV Encontro Cultural de Propriá


Os encontros e festivais de cultura e arte de Sergipe, sem exceção, tem sua programação, dinâmica de realização e estrutura e caráter de seu conteúdo definidos de cima para baixo, ou no máximo pelo alto staff dos prefeitos municipais. Na cidade de Propriá, desde que foi encampado pelo poder público municipal, o Encontro Cultural seguia esta mesma tendência e nem sempre (para não dizer nunca) refletia os reais anseios da sociedade ribeirinha.
Habilidoso, sintonizado com o setor cultural, o prefeito José Américo Lima (PSC) ao decidir pelo retorno do Encontro Cultural, determinou (seria melhor dizer delegou poderes) ao novo secretário municipal de Cultura e Meio Ambiente, José Alberto Amorim (PT) total liberdade para construir o Projeto de realizá-lo juntamente com a Festa do Bom Jesus dos Navegantes. E assim, está sendo encaminhado, com a realização do Fórum Pensar o XXV Encontro Cultural de Propriá.
Reunidos na manhã desta terça-feira (20), em uma sala do Projeto “Velho Chico” (Sociedade Semear), representantes do poder público municipal (prefeitura, secretarias municipais) e da sociedade civil (ONGs, instituições, artistas, personalidades) deram o ponta-pé inicial para a realização no período de 22 a 29 de janeiro de 2012 o XXV Encontro Cultural de Propriá.
Representatividade - Da reunião, que teve início com a apresentação do Projeto Cultural (que está dividido em fases distintas, mas que se completam), participaram o prefeito José Américo Lima, o secretário municipal de Cultura e Meio Ambiente José Alberto Amorim, representantes dos mais diferentes segmentos artístico-culturais, professores, ativistas culturais, representantes da imprensa, funcionários públicos municipais e estaduais, entre outros setores.
Cartas a mesa - Em sua fala o prefeito fez questão de externar que respeitará “todas as sugestões emanadas deste fórum” e que a ele cabe “apenas o papel de ir em busca dos recursos para sua realização”, disse, se colocando a disposição dos presentes para quaisquer questionamentos que se fizessem necessários.
Viva o nosso folclore - Depois de três horas de exaustivos debates, foram deliberadas algumas conclusões consensuais, como a realização no sábado, 28/01/2012, de um Cortejo Folclórico, cujos grupos depois de saírem de vários bairros, reúnem-se em um ponto e de lá dirigem-se a Orla Ribeirinha. Outra importante definição foi realização de um Galeria de Arte aberta, armada na Praça Dom Antônio dos Santos Cabral.
Identidade Cultural - O Encontro será aberto com um Simpósio ou Seminário nos dias 23 e 24 de janeiro de 2012 que discutirá a Identidade do Povo do São Francisco, cuja temática sugerida será “Índios, Negros e Religiosidade”, devendo ser coordenado pela Universidade Tiradentes. Foram sugeridos nomes de palestrantes como Luiz Antônio Barreto (jornalista e historiador), Aglaé Fontes de Alencar (folclorista), Beatriz Góis Dantas e Luiz Alberto Santos (antropólogos).
Banquete da Poesia - O Encontro Cultural de Propriá trará de volta no dia 24 de janeiro o Concurso de Poesia Falada, que passará a ser dominado João Fernandes de Britto, em homenagem ao poeta, juiz e político que se estivesse vivo teria comemorado 100 anos em 2010. A programação cultural soma-se a programação religiosa, social e ecológica que completa o conjunto da Festa do Bom Jesus dos Navegantes, uma realização da Diocese e Prefeitura de Propriá.
Sem trios elétricos - Considerando o carater do Encontro Cultural de Propriá e Festa do Bom Jesus dos Navegantes, inclusive que busca a reafirmação da identidade ribeirinha, consiste em retirar da programação da festa a presença de trios elétricos, permitindo que, caso seja de interesses dos seus representantes, estes aconteçam até os dias 21 e 22 de janeiro, uma semana antes do ponto culminante da maior manifestação cultural e religiosa do Baixo São Francisco.
Encontro marcado - Nesta reunião foram escolhidos os responsáveis por algumas comissão que irão construir o Encontro Cultural, que incluirá instituições como a Igreja, Unit, Sociedade Semear, Prefeitura de Propriá, sociedade civil e outras instituições de relevância sócio-cultural. Uma segunda rodada do agora Fórum Permanente do Encontro Cultural de Propriá está marcada para o dia 29 de Setembro de 2011, no mesmo local (Sociedade Semear) e horário (08 horas), estando todos convidados para opinar.

Fonte/Autor: Por Claudomir Tavares, texto e fotos / tribunadapraiaonline

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE