Propriá planeja ações para o presente e para o futuro


Planejamento
30/03/2012
Mais desenvolvimento para a população. A prefeitura de Propriá, através da Secretaria de Planejamento, já está elaborando três importantes planos de desenvolvimento para o município; o Plano Diretor, o Plano Municipal de Habitação e o Plano Municipal de Saneamento Básico. “Esses três planos irão mudar para melhor a vida de todos os proporiaenses depois de executados. Isso prova que o prefeito José Américo Lima está executando ações importantes e preparando a cidade para o futuro”, disse o secretário municipal de Planejamento, André Fontes.

Ainda segundo o secretário de Planejamento, em um prazo de 15 dias, os vereadores da cidade deverão receber todo o projeto do Plano Diretor, que deve ser apreciado e votado na casa do legislativo municipal. O Plano Diretor de Propriá começou a ser construído em 2006, por estudantes e professores do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Tiradentes (UNIT), em parceria com os gestores municipais. Todos os pontos já foram discutidos com associações de moradores e demais representantes da sociedade civil.    

“Quanto ao Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB), nós já mantivemos o contato com a Fundação Nacional de Saúde (FUNASA) e o Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP), da Universidade Tiradentes, para a elaboração deste plano, que deve estar pronto até o final deste ano”, acrescentou Fontes.

Para a elaboração e execução do PMSB nos municípios é necessária a realização de audiências públicas com todas as comunidades. Em Propriá, a previsão é que aconteçam pelo menos 30 delas. O PMSB tem como objetivo executar o planejamento em quatro áreas estratégicas: manejo de águas pluviais, coleta e tratamento de esgoto, coleta e tratamento de resíduos sólidos e abastecimento de água.

Habitação –Com o compromisso de reduzir o déficit habitacional do município, a prefeitura de Propriá também já está elaborando o Plano Municipal de Habitação, em parceria com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano (SEDURB). Em paralelo a esta ação, os gestores municipais entregaram nas últimas semanas 30 casas no Bairro Fernandes, um empreendimento executado pelo Governo Federal, em parceria com o município, através do programa Minha Casa Minha Vida, que beneficiou 30 famílias com renda de zero a três salários mínimos. Está prevista também a construção de mais 100 residências populares, sendo 50 pulverizadas e outras 50 em um novo conjunto no Bairro Fernandes. 

Fonte/Autor: Comunicação Propriá

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aluna de 13 anos é filmada fazendo sexo em escola de São Paulo

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe