Irregularidades na Saúde Pública de Sergipe, Marcelo Déda tem que pedir demissão

O líder do PSC, deputado André Moura utilizou a tribuna da Câmara dos Deputados ontem, 23, para denunciar as diversas irregularidades da Saúde Pública no Estado de Sergipe. Munido de várias manchetes de jornais sergipanos nas mãos André as leu e pediu que o governador Marcelo Déda respeitasse a população e pedisse demissão!

As denuncias do parlamentar do PSC recaem nas promessas do governador Déda que durante a campanha eleitoral disse que seria o segundo secretário de Estado da Saúde, coisa que em quase seis anos de governo não aconteceu. E justificou: “Basta chegar ao HUSE – Hospital de Urgências de Sergipe e ver que o mínimo não existe, macas das ambulâncias do SAMU, medicamentos, insumos, questões estruturais, carência de profissionais entre outros”.

Durante o pronunciamento fez mais criticas ao Governo de Sergipe, que já gastou só para a Secretaria de Estado da Saúde – SES, mais de um milhão e meio de reais em propagandas enganosas sobre a Saúde, em vez de gastar com melhorias. “Triste realidade do nosso Estado”, completou.

E finalizou elogiando o Ministério Público e o TCE/SE, que estão investigando os desmandos do governador Marcelo Déda. E exemplificou: só o conserto do aparelho de radiologia do HUSE custa R$ 3 milhões e a metade deste valor foi gasto para propagar mentiras da própria SES.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja a relação de aprovados no Exame da Ordem em Sergipe

Caminhão furtado em Porto Real do Colégio é recuperado em Propriá/SE

ORIGEM DE PROPRIÁ - SE